Segunda-feira, 19 de Novembro de 2007
Pedro Teixeira

Director Coral

----------------

Nasceu em Lisboa.

É licenciado em Direcção Coral pela Escola Superior de Música de Lisboa, onde trabalhou com o Maestro Vasco Pearce de Azevedo.

Iniciou os seus estudos musicais na Academia de Amadores de Música em 1981. Ingressa na Faculdade de Direito de Lisboa em 1990, mas acaba por optar definitivamente pela música em 1995.

Interessara-se entretanto pela prática e direcção de música coral, nomeadamente no Coro da Universidade de Lisboa onde se iniciou na direcção, primeiro como ensaiador de naipe e, posteriormente, como assistente do maestro José Robert.Trabalhou com António Lourenço e Paulo Lourenço no I e II Cursos de Direcção Coral na cidade de Setúbal (Coral Luísa Todi) e com José Robert no XVII e XVIII Cursos Intensivos de Direcção Coral em Torres Novas.

Trabalhou com o maestro José Robert durante os quatro anos do Curso de Direcção Coral na Academia de Amadores de Música.

Estudou canto na Escola de Música do Conservatório Nacional.Dirigiu no ano 2000 em Košice (Eslováquia) um workshop dedicado à música renascentista da Sé de Évora, a convite do Coro Collegium Technicum.Leccionou Coro na Escola Profissional de Música de Évora.Foi preparador vocal do Coro de Câmara Ars Nova, dirigido por Francisco d'Orey e é assistente de direcção de José Robert no Coro da Universidade de Lisboa e no Coro de Câmara da Universidade de Lisboa.

No Coro Ricercare trabalhou com Paulo Lourenço como maestro adjunto, passando a maestro titular em 2002.

É elemento do CoroGregoriano de Lisboa, no qual é solista.

É membro do Coro Gulbenkian.

É director artístico das «Jornadas Internacionais Escola de Música da Sé de Évora», organização de Eboræ Musica, que conta já com nove edições anuais.

Dirige, desde Março de 1997, o Coro Polifónico Eboræ Mvsica, em Évora, e, desde Setembro de 2000, o Grupo Coral de Queluz.

No mesmo ano funda o Officium – grupo vocal, dedicado à interpretação de polifonia portuguesa dos sécs. XVI/XVII, do qual é director artístico. Recebe em 2002 o prémio “The most promising conductor of Tonen 2002” na Holanda, concurso que atribuiu também o 3º prémio a Officium – grupo vocal, nas categorias de Música Sacra e Música Secular. 

----

in: Eborae-musica



publicado por lamire às 00:56
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
27
28
29
30
31